6.2. Provisioning a Host Using a Boot Disk

O modelo de fornecimento de rede via satélite é geralmente baseado em PXE, o que requer serviços de DHCP e TFTP. Como nem todas as implantações de satélite possuem estes serviços disponíveis, o recurso de provisionamento de disco de inicialização fornece hosts específicos,host completo, e tipos de imagens de disco de inicialização genéricos para permitir provisionamento em tais implementações.
Cada tipo de imagem de disco de inicialização possuem suas próprias vantagens, mas todos são projetados para ambientes sem controle da infra-estrutura de rede; consequentemente, não são necessárias reservas de DHCP ou configurações TFTP.
Imagens de inicialização são gravadas como imagens ISO híbridas (usadas como arquivos ISO ou discos USB), e pode ser inicializadas a partir de uma mídia física ou de um disco virtual ou CD.

Tabela 6.1. Comparação das Características de Tipo de Imagem de Inicialização

Tipo Genérico DHCP Requerido Reserva de DHCP Pré-registrar Máquina Sistema Operacional Específico
Imagem específico do host Não Não Não Sim Não
Imagem de host completa Não Sim Não Sim Sim
Imagem genérica Sim Sim Não Sim Não

6.2.1. Pré-requesitos

Todos os pacotes necessários para o recurso de disco de inicialização via satélite são normalmente instalados por padrão. Certifique-se de abordar as seguintes condições antes de continuar:
  • Independentemente do tipo de imagem que você usa, o host deve estar registrado para Satélite antes de inicializar a partir da imagem. Hosts são identificados pelo seu endereço MAC ou IP para fornecer o modelo de provisionamento correto se o host estiver no modo de construção.
  • Para imagens de host específicos, assegure-se que os endereços IP de host e sub-redes são preenchidas, e a gateway da sub-rede, a máscara de sub-rede, e resolvedores DNS sejam configurados corretamente. Navegue até Infra-estrutura Sub-redes para configurar estes valores.
  • Para permitir o acesso a imagens para usuários não-administrativos, adicione a função de "acesso ao disco de inicialização" a um usuário ou adicione a permissão "download_bootdisk" a uma função existente.
  • Certifique-se que os modelos de provisionamento iPXE apropriados estão disponíveis. Red  Hat Enterprise  Linux utiliza o modelo "padrão Kickstart iPXE".

    Nota

    As imagens gPXE Atualmente sem suporte.
    Tipos de imagens de host e genéricas são baseados na tecnologia iPXE, que suporta um conjunto diferente de drivers de hardware de PXELINUX. Veja http://ipxe.org/appnote/hardware_drivers para a lista de hardware suportado.
    Se você encontrar problemas com iPXE, imagens de host completos contêm núcleos internos e discos de RAM e podem carregar em qualquer tipo de placa de rede, incluindo aqueles sem suporte PXE.
  • Garanta que os modelos padrão apropriados estão disponíveis. Red Hat Enterprise Linux utiliza "default Kickstart RHEL" como o modelo de provisionamento.

Importante

Se você não estiver usando os modelos de provisionamento kickstart do Satellite padrão, certifique-se que os modelos que você usa fornecem os detalhes IP estáticos necessários para configurar o sistema operacional. Para um arquivo de kickstart, você pode usar a seguinte configuração:
network --bootproto <%= @static ? "static" : "dhcp" %> --hostname <%= @host %> <%= " --ip=#{@host.ip} --netmask=#{@host.subnet.mask} --gateway=#{@host.subnet.gateway} --nameserver=#{@host.subnet.dns_primary},#{@host.subnet.dns_secondary}" if @static %>

6.2.2. Criando Imagens de Disco de Inicialização

Esta seção descreve como criar imagens de disco de inicialização genéricos específicos do host, completo, e imagens de disco de inicialização genéricas. Você pode usar a interface do usuário da Web ou da linha de comando para criar as imagens; Ambos os métodos são descritos.

Nota

Para criar imagens usando a linha de comando, certifique-se que o pacote ruby193-rubygem-foreman_bootdisk está instalado.Ele normalmente é instalado por padrão.

6.2.2.1. Criando Imagens de host específicos

Você pode usar os dados de host e sub-rede no Satellite para criar imagens específicas de host com rede estática. O comportamento é dinâmico; a imagem da cadeia de cargas do Satellite e, consequentemente, o sistema operacional atual e estado de construção são fornecidos pelo Satellite em vez de serem armazenados na imagem.

Procedimento 6.2. Para Criar uma Imagem de Host específico usando o Web UI:

  1. Navegue até HostsAll hosts e clique no nome do host adequado.
  2. Clique em Boot disk e depois Host hostname image.
Para criar uma imagem específica do host usando a ferramenta CLI hammer execute o seguinte comando:
# hammer bootdisk host --host client.example.com
Para criar uma imagem específica do host a partir da linha de comando no servidor Satellite, execute o seguinte comando:
# foreman-rake bootdisk:generate:host NAME=client.example.com OUTPUT=/tmp
Defina o valor de OUTPUT para um caminho de destino adequado, tanto um diretório ou arquivo. O usuário foreman precisar ter acesso para o destino especificado.

6.2.2.2. Criando Imagens de Host Completo

Imagens de host completos são semelhantes para imagens de host específico, mas ao invés de carga cadeia do Satellite, estas imagens contêm o carregador de inicialização do sistema operacional inicial. Isso é útil para os host que não carregarem a corrente, mas a desvantagem é que a imagem pode ficar desatualizada, se o sistema operacional do host, carregador de boot, ou mudança de modelos, ou se os tokens de construção forem necessários e eles expirarem.

Procedimento 6.3. Para criar uma Imagem de Host Completa Usando o Web UI:

  1. Navegue até HostsAll hosts e clique no nome do host adequado.
  2. Clique em Boot disk e depois Full Host hostname image.
Imagens de host completas levam mais tempo para serem criadas pois o processo baixa os carregadores de inicialização do sistema operacional, que podem ser grandes.
Para criar uma imagemdo host completa usando a ferramenta CLI hammer execute o seguinte comando:
# hammer bootdisk host --host client.example.com --full true
Para criar uma imagem de host completa a partir da linha de comando no servidor Satellite, execute o seguinte comando:
# foreman-rake bootdisk:generate:full_host NAME=client.example.com

6.2.2.3. Criando imagens Genéricas

Imagens genéricas fornecem um único arquivo ISO que pode ser usado por todos os hosts registrados. Detalhes do endereço de IP não podem ser armazenados no interior destas imagens, no entanto, isto significa que a rede deve fornecer um pool de DHCP. Você usa a imagem genérica para arrancar o host, que, em seguida, contata o Satellite para o modelo de um host registrado combinando um endereço MAC ou o IP do host que foi atribuído pelo DHCP.
A instalação pode continuar usando tanto um DHCP atribuído ou endereço IP estático, dependendo de como o modelo iPXE do sistema operacional estiver configurado. Você pode usar o arquivo kickstart para especificar opções de configuração de rede adicional.

Procedimento 6.4. Para Criar uma Imagem Genérica a partir da Web UI:

  1. Navegue até HostsAll hosts e clique no nome do host adequado.
  2. Clique em Boot disk e depois clique em Generic image.
Para criar uma imagem genérica usando a ferramenta CLI hammer execute o seguinte comando:
# hammer bootdisk generic
Para criar uma imagem genérica a partir da linha de comando no servidor Satellite, execute o seguinte comando:
# foreman-rake bootdisk:generate:generic

6.2.2.4. Criando imagens de USB

Quando você criar um arquivo ISO ele também será passado através do comando isohybrid, o que significa que o arquivo resultante também é inicializável como um disco, e adequado para copiar para um dispositivo USB.
Para copiar o arquivo ISO para um dispositivo USB, execute o seguinte comando. Certifique-se que o nome do dispositivo e o arquivo de entrada estão corretos para seu ambiente:
# dd if=fqdn.iso of=/dev/sdX