Capítulo 5. Experimente Isto

5.1. Execução das Iniciações Rápidas

5.1.1. Execução das Iniciações Rápidas no Red Hat JBoss Developer Studio

Esta seção descreve como usar o Red Hat JBoss Developer Studio para implantar as iniciações rápidas e executar os testes Arquillian.

Procedimento 5.1. Importação das iniciações rápidas ao Red Hat JBoss Developer Studio

Cada iniciação rápida lança com o arquivo POM (Project Object Model) que contém informação de configuração e projeto para a iniciação rápida. Usando o arquivo POM, você pode importar facilmente a iniciação rápida ao Red Hat JBoss Developer Studio.

Importante

Caso a pasta do projeto de iniciação rápida estiver localizada no espaço de trabalho IDE quando você importá-la ao Red Hat JBoss Developer Studio, o IDE gera um nome de projeto e o nome do arquivo WAR. Certifique-se de que sua pasta do projeto de iniciação rápida está localizada fora do espaço de trabalho antes de você iniciar!
  1. Caso ainda não tenha realizado, por favor realize os procedimentos descritos na Seção 4.2.4.2, “Configuração Maven para Uso com a Linha de Comando”.
  2. Inicie o Red Hat JBoss Developer Studio.
  3. Selecione FileImport a partir do menu.
  4. Escolha MavenExisting Maven Projects a partir da lista de seleção e clique em Next.
    Importação dos Projetos Maven Existentes

    Figura 5.1. Importação dos Projetos Maven Existentes

  5. Navegue ao diretório da iniciação rápida que você planeja para o teste, por exemplo a iniciação rápida do helloworld e clique em OK. A caixa de lista de Projects é preenchida com o arquivo pom.xml do projeto de iniciação rápida selecionado.
    Seleção dos Projetos Maven

    Figura 5.2. Seleção dos Projetos Maven

  6. Clique em Finish.

Procedimento 5.2. Construção e implementação da iniciação rápida helloworld.

A iniciação rápida helloworld é uma das iniciações rápidas mais simples e é uma ótima maneira de verificar que o servidor do JBoss está configurado e executando corretamente.
  1. Caso você não consiga visualizar a tab Servers ou não tenha definido um servidor, siga as instruções da Seção 4.1.5, “Adição do JBoss EAP Server usando o Servidor Novo de Definição”. Caso planeje implantar uma iniciação rápida que requer o perfil full ou os argumentos de iniciação adicional, certifique-se de criar um servidor no ambiente do período de execução, conforme descrito nas instruções de iniciação rápida.
  2. Clique no botão direito do mouse no projeto jboss-helloworld da tab Project Explorer e selecione Run As. A lista de opções será fornecida. Selecione Run on Server.
    Executar como - Execução no Servidor

    Figura 5.3. Executar como - Execução no Servidor

  3. Selecione JBoss EAP 6.1+ Runtime Server a partir da lista de servidor e clique em Next.
    Execução no Servidor

    Figura 5.4. Execução no Servidor

  4. A próxima tela exibe os recursos que são configurados no servidor. A iniciação rápida jboss-helloworld é configurada. Clique em Finish para implantar a iniciação rápida.
    Modificação dos Recursos Configurados no Servidor

    Figura 5.5. Modificação dos Recursos Configurados no Servidor

  5. Revise os resultados.
    • Na tab Server, o status do JBoss EAP 6.x Runtime Server altera para [Started, Republish].
    • A tab Console do servidor apresenta mensagens detalhando o servidor JBoss EAP 6.x e a implantação da iniciação rápida helloworld.
    • A tab helloworld aparece exibindo o URL http://localhost:8080/jboss-helloworld/HelloWorld e o texto "Hello World!".
    • As seguintes mensagens no Console confirmam a implantação do arquivo jboss-helloworld.war:
      JBAS018210: Register web context: /jboss-helloworld
      JBAS018559: Deployed "jboss-helloworld.war" (runtime-name : "jboss-helloworld.war")
      
      O contexto da web registrado é anexado ao http://localhost:8080 para fornecer acesso ao aplicativo implantado pelo URL usado.
  6. Para certificar-se que a iniciação rápida helloworld foi implantada com êxito ao servidor do JBoss, abra um navegador da web e acesse o aplicativo neste URL: http://localhost:8080/jboss-helloworld

Procedimento 5.3. Execute os testes Arquillian de iniciação rápida bean-validation

Algumas iniciações rápidas não fornecem uma camada de interface e ao invés disto fornecem os testes Arquillian para demonstrar as amostras de código. A iniciação rápida bean-validation é uma amostra de iniciação rápida que fornece testes Arquillian.
  1. Siga o procedimento acima para importar a iniciação rápida do bean-validation no Red Hat JBoss Developer Studio.
  2. Na tab Servers, clique no botão direito do mouse e selecione Start para inciar o servidor JBoss EAP. Caso não possa visualizar a tab Servers ou não tenha definido um servidor, siga as seguintes instruções da Seção 4.1.5, “Adição do JBoss EAP Server usando o Servidor Novo de Definição”.
  3. Clique no botão direito do mouse no projeto jboss-bean-validation tab Project Explorer e selecione Run As. Uma lista de opções será fornecida. Selecione Maven Build.
  4. No campo de entrada Goals do diálogo Edit Configuration, digite: clean test -Parq-jbossas-remote
    Clique em Run.
    Edição da configuração

    Figura 5.6. Edição da configuração

  5. Revise os resultados.
    A tab Console do servidor apresenta mensagens detalhando o início do servidor JBoss EAP e o resultado dos testes Arquillian de iniciação rápida bean-validation.
    -------------------------------------------------------
     T E S T S
    -------------------------------------------------------
    Running org.jboss.as.quickstarts.bean_validation.test.MemberValidationTest
    Tests run: 5, Failures: 0, Errors: 0, Skipped: 0, Time elapsed: 2.189 sec
    
    Results :
    
    Tests run: 5, Failures: 0, Errors: 0, Skipped: 0
    
    [INFO] ------------------------------------------------------------------------
    [INFO] BUILD SUCCESS
    [INFO] ------------------------------------------------------------------------
    

5.1.2. Execução das Iniciações Rápidas usando uma Linha Comando

Procedimento 5.4. Construa e Implante as Iniciações Rápidas usando uma Linha Comando

Você pode construir e implantar as iniciações rápidas usando uma linha de comando. Perceba que, quando usando uma linha de comando, você é responsável por iniciar o servidor do JBoss caso seja solicitado.
  1. Caso ainda não realizado, por favor realize as seguintes etapas da Seção 4.2.4.2, “Configuração Maven para Uso com a Linha de Comando”.
  2. Revise o arquivo README.html no diretório raiz das iniciações rápidas.
    Este arquivo contém informações gerais sobre as solicitações do sistema, como configurar o Maven, como adicionar usuários e como executar Iniciações Rápidas. Certifique-se de ler todo este conteúdo antes de começar.
    Além disso, este arquivo contém uma tabela listando as iniciações rápidas disponíveis. A tabela lista cada nome da iniciação rápida e as tecnologias que demonstra. Ela fornece uma descrição rápida de cada iniciação rápida e o nível de experiência requerido para configurá-las. Clique no nome iniciação rápida para maiores informações sobre a iniciação rápida.
    Algumas iniciações rápidas são designadas para aprimorar ou estender outras iniciações rápidas. Essas estão descritas na coluna Prerequisites. Caso uma iniciação rápida listar pré-requisitos, você deverá instalá-las antes de trabalhar com a iniciação rápida.
    Algumas iniciações rápidas requerem a instalação e configuração de componentes opcionais. Não instale componentes a não ser que a iniciação rápida os solicite.
  3. Execute a iniciação rápida helloworld.
    A iniciação rápida helloworld é uma das iniciações rápidas mais simples e é uma ótima maneira de verificar se o servidor do JBoss está configurado e executando corretamente. Abra o arquivo README.html na raiz da iniciação rápida helloworld. Ele contém informações detalhadas de como construir e implantar a iniciação rápida e acessar o aplicativo de execução.
  4. Execute outras iniciações rápidas.
    Siga as seguintes instruções no arquivo README.html localizado na pasta de cada iniciação rápida para executar a amostra.