Menu Close
Settings Close

Language and Page Formatting Options

Red Hat Training

A Red Hat training course is available for RHEL 8

17.4. Diferenciando entre objetos RAID LVM usando tags

Você pode atribuir tags aos objetos LVM RAID para agrupá-los, de modo que você possa automatizar o controle do comportamento LVM RAID, como a ativação, por grupo.

As tags de volume físico (PV) são responsáveis pelo controle da alocação no ataque LVM, ao contrário das tags de volume lógico (LV) ou de grupo de volume (VG), pois a alocação em lvm ocorre no nível PV com base nas políticas de alocação. Para distinguir os tipos de armazenamento por suas diferentes propriedades, etiquetá-los adequadamente (por exemplo, NVMe, SSD, HDD). A Red Hat recomenda que você marque cada novo PV apropriadamente depois de adicioná-lo a um VG.

Este procedimento adiciona tags de objeto a seus volumes lógicos, assumindo que /dev/sda é uma SSD, e /dev/sd[b-f] são HDDs com uma partição.

Pré-requisitos

  • O pacote lvm2 está instalado.
  • Estão disponíveis dispositivos de armazenamento para uso como PVs.

Procedimento

  1. Criar um grupo de volume.

    # vgcreate MyVG /dev/sd[a-f]1
  2. Adicione etiquetas a seus volumes físicos.

    # pvchange --addtag ssds /dev/sda1
    
    # pvchange --addtag hdds /dev/sd[b-f]1
  3. Criar um volume lógico RAID6.

    # lvcreate --type raid6 --stripes 3 -L1G -nr6 MyVG @hdds
  4. Criar um volume de cache linear.

    # lvcreate -nr6pool -L512m MyVG @ssds
  5. Converter o volume RAID6 para ser colocado em cache.

    # lvconvert -- tipo cache --cachevol MyVG/r6pool MyVG/r6

Recursos adicionais

  • As páginas de manual lvcreate(8), lvconvert(8), lvmraid(7) e lvmcache(7).