2.3. Preparando Fontes de Instalação

Como explicado no Capítulo 1, Baixando o Red Hat Enterprise Linux, dois tipos básicos de mídia estão disponíveis para Red Hat Enterprise Linux: a imagem de inicialização mínima (boot.iso) e uma imagem de instalação completa (DVD binário). Se você baixou o DVD binário e criou um DVD-ROM ou uma unidade USB de inicialização a partir dele, você pode prosseguir com a instalação imediatamente, pois esta imagem contém tudo que você precisa para instalar o sistema.
No entanto, se você utilizar a imagem de inicialização mínima, você também deve configurar uma fonte adicional de instalação. Isso ocorre porque a imagem de inicialização mínima contém apenas o próprio programa de instalação e as ferramentas necessárias para iniciar seu sistema e iniciar a instalação; não inclui os pacotes de software a serem instalados em seu sistema.
O DVD de instalação completa de imagem ISO pode ser utilizado como a fonte para a instalação. Se o seu sistema exigir um software adicional não fornecido pela Red Hat, você precisará configurar os repositórios adicionais e instalar esses pacotes depois que a instalação estiver concluída. Para obter informações sobre como configurar repositórios adicionais Yum em um sistema instalado, consulte Guia de administrador de sistemas Red Hat Enterprise Linux 7 .
A fonte de instalação pode ser qualquer uma destas a seguir:
  • DVD: Você pode gravar a imagem ISO de DVD binário em um DVD e configurar o programa de instalação para instalar pacotes a partir deste disco.
  • Hard drive: Você pode colocar a imagem ISO de DVD binário em um disco rígido e instalar pacotes a partir dele.
  • Local de Rede : Você pode copiar a imagem ISO de DVD binário ou a árvore de instalação (conteúdos extraídos da imagem ISO de DVD binário) para um local de rede acessível a partir do sistema de instalação e executar a instalação através da rede utilizando os seguintes protocolos:
    • NFS: A imagem ISO de DVD binário é colocada dentro de um compartilhamento Network File System (NFS).
    • HTTPS, HTTP ou FTP: A árvore de instalação é colocada em um local de rede acessível sobre HTTP, HTTPS, ou FTP.
Ao inicializar a instalação a partir da mídia de inicialização mínima, você sempre deve configurar uma fonte de instalação adicional. Ao inicializar a instalação do DVD binário completa, também é possível configurar uma outra fonte de instalação, mas não é necessário - a própria imagem ISO de DVD binário contém todos os pacotes que você precisa para instalar o sistema e o instalador irá configurar automaticamente o DVD binário como a fonte.
Você pode especificar a fonte de instalação de qualquer uma das seguintes maneiras:

2.3.1. Fonte de Instalação em um DVD

Você pode gravar a imagem ISO de DVD binário em um DVD e configurar o programa de instalação para instalar os pacotes a partir deste disco durante a inicialização da instalação de outra unidade (por exemplo, um ISO de inicialização mínimo em uma unidade flash USB). Este procedimento é o mesmo que criar meios óticos de inicialização - veja Seção 2.1, “Criando um CD ou DVD de Instalação” para mais informações.
Ao usar um DVD como fonte de instalação, verifique se o DVD está na unidade quando a instalação começar. O programa de instalação Anaconda não é capaz de detectar a mídia inserida após a instalação começar.

2.3.2. Fonte de Instalação em um Disco Rígido

Instalações no disco rígido usam uma imagem ISO do DVD de instalação do binário. Para usar um disco rígido como fonte de instalação, transfira a imagem ISO de DVD binário para a unidade e conecte-o ao sistema de instalação. Em seguida, inicie o programa de instalação Anaconda.
Você pode usar qualquer tipo de disco rígido acessível ao instalador, incluindo unidades flash USB. A imagem ISO binário pode estar em qualquer diretório do disco rígido e pode ter qualquer nome; no entanto, se a imagem ISO não estiver no diretório de nível superior da unidade, ou se houver mais de uma imagem no diretório de nível superior da unidade, será solicitado que você especifique a imagem a ser usada. Isto pode ser feito utilizando um opção de inicialização, uma entrada em um arquivo Kickstart, ou manualmente na tela Fonte de Instalação durante a instalação gráfica.
A limitação do uso de um disco rígido como a fonte de instalação é que a imagem ISO de DVD binário no disco rígido deve estar em uma partição com um sistema de arquivos que o Anaconda pode montar. Esses sistemas de arquivos são xfs , ext2 , ext3 , ext4 , e vfat ( FAT32 ). Note que em sistemas Microsoft Windows, o sistema de arquivos padrão usado ao formatar discos rígidos é NTFS , e o sistema de arquivo exFAT também está disponível; no entanto, nenhum desses sistemas de aquivos podem ser montados durante a instalação. Se você estiver criando um disco rígido ou uma unidade USB para ser utilizada como uma fonte de instalação no Microsoft Windows, certifique-se de formatar a unidade como FAT32.

Importante

O sistema de arquivo FAT32 não suporta arquivos maiores que 4 GiB (4.29 GB). Algumas mídia de instalação Red Hat Enterprise Linux  7 podem ser maiores do que isso, o que significa que você não poderá copiá-las para uma unidade com este sistema de arquivos.
Ao usar um disco rígido ou um USB flash drive como fonte de instalação, certifique-se de que está conectado ao sistema quando a instalação começar. O programa de instalação não é capaz de detectar a mídia inserida após o início da instalação.

2.3.3. Fonte de Instalação em uma Rede

Colocar a fonte de instalação em uma rede tem a vantagem de permitir a instalação de vários sistemas a partir de uma única fonte, sem ter que conectar e desconectar qualquer mídia física. Instalações baseadas em rede podem ser especialmente úteis quando usadas em conjunto com um servidor Preboot Execution Environment (PXE), que permite que você incie a instalação a partir da rede também. Esta abordagem elimina completamente a necessidade de criar uma mídia física, permitindo fácil implantação do Red Hat Enterprise Linux em vários sistemas ao mesmo tempo. Para obter informações sobre como configurar um servidor PXE, consulte Capítulo 21, Preparando para uma instalação de Rede...

2.3.3.1. Fonte de Instalação em um Servidor NFS

O método de instalação NFS usa uma imagem ISO do DVD binário do Red Hat Enterprise Linux colocado em um diretório exportado do servidor Network File System, o qual o sistema de instalação deve ser capaz de ler. Para realizar uma instalação baseada em NFS, você precisará de outro sistema em execução que agirá como o host NFS.
Para mais informações sobre os servidores NFS, veja Red Hat Enterprise Linux 7 Storage Administration Guide.

Nota

O procedimento a seguir serve apenas como um esquema básico do processo. As etapas exatas que você deve seguir para configurar um servidor NFS irão variar com base na arquitetura do sistema, sistema operacional, gerenciador de pacotes, gerenciador de serviço e outros fatores. Em sistemas Red Hat Enterprise Linux 7, o procedimento pode ser seguido exatamente como documentado. Para os procedimentos que descrevem o processo de criação de fonte de instalação em versões anteriores do Red Hat Enterprise Linux, consulte o Guia de Instalação adequado para aquele lançamento.

Procedimento 2.3. Preparando para uma Instalação baseada em NFS.

  1. Instalar o pacote nfs-utils. Execute o seguinte comando:
    # yum install nfs-utils
  2. Abra o arquivo /etc/exports usando um editor de texto como o Vim ou Gedit. Observe que o arquivo pode não existir ainda; ele não é criado quando o pacote nfs-utils é instalado. Se este for o caso, crie o arquivo.
  3. Adicione uma linha para o arquivo exports com a seguinte sintaxe:
    /path/to/exported/directory host(options)
    
    Substitua /path/to/exported/directory pelo caminho completo para o diretório que você desejar disponibilizar, o host com um endereço IP a partir do qual o diretório exportado estará acessível e as options com opções a serem usadas.
    Se você quiser permitir o acesso ao diretório exportado de todos os endereços IP, use o caractere * ao invés do host. Para uma lista de opções válidas, veja a página man nfs(5). Na maioria dos casos, usar a opção ro para tornar o diretório para somente leitura é suficiente.
    Esta é uma configuração básica que torna o diretório /mnt/nfs disponível como somente leitura para todos os clientes:
    /mnt/nfs *(ro)
    
  4. Salve o arquivo /etc/exports após terminar a configuração e sair do editor de texto.
  5. Transfira a imagem ISO do DVD binário para o diretório exportado da NFS que você especificou em hosts. Para fazer isto, execute o seguinte comando:
    $ mv /path/to/image.iso /nfs/exported/directory/
    Substitua o /path/to/image.iso pelo caminho para a imagem ISO de DVD binário e o /nfs/exported/directory/ pelo caminho para o diretório exportado que você especificou no arquivo de configuração do /etc/exports.
  6. Inicie o serviço nfs. Use o seguinte comando como root:
    # systemctl start nfs.service
    Se o serviço já estava sendo executado antes de você mudar o arquivo de configuração /etc/exports, reinicie-o para assegurar que o arquivo editado foi carregado. Para reiniciar, execute o seguinte comando como root:
    # systemctl restart nfs.service
Após concluir o procedimento acima, a imagem ISO de DVD binário é acessível sobre NFS e pronta para ser usada como uma fonte de instalação.
Ao configurar a fonte de instalação antes ou durante a instalação, especifique o protocolo NFS e o nome do host de servidor. Especificar o endereço IP do servidor não funciona com os compartilhamentos NFS. Se você copiou a árvore de instalação para um subdiretório do usuário root de compartilhamento, você precisa especificá-lo também. Por exemplo, se você copiou a árvore de instalação para o /mnt/nfs/rhel7-install/ no servidor e o nome de host de servidor é myserver.example.com, você precisa especificar o nfs:myserver.example.com:/rhel7-install como fonte de instalação.

2.3.3.2. A Fonte de Instalação em um servidor HTTPS, HTTP ou FTP

Este método de instalação também permite uma instalação baseada em rede. No entanto, ao contrário do método de NFS descrito acima, uma árvore de instalação, um diretório contendo o conteúdo extraído da imagem ISO de DVD binário e um arquivo .treeinfo válido, serão utilizados. A fonte de instalação é acessada sobre HTTPS, HTTP, ou FTP.
Para mais informações sobre servidores HTTP e FTP, veja Red Hat Enterprise Linux 7 System Administrator's Guide.

Nota

O procedimento a seguir serve apenas como um esquema básico do processo. As etapas exatas necessárias que você deve seguir para configurar um servidor FTP irão variar dependendo da arquitetura do sistema, sistema operacional, gerenciador de pacotes, gerenciador de serviço e outros fatores. Em sistemas Red Hat Enterprise Linux 7, o procedimento pode ser seguido exatamente como documentado. Para procedimentos que descrevem o processo de criação da fonte de instalação em lançamentos anteriores do Red Hat Enterprise Linux, veja o Guia de Instalação apropriado para este lançamento.

Procedimento 2.4. Preparando para uma Instalação baseada em FTP

  1. Instale o pacote vsftpd:
    # yum install vsftpd
  2. Como forma alternativa, abra o arquivo de configuração /etc/vsftpd/vsftpd.conf em um editor de texto como o Vim ou Gedit e edite qualquer opção que você deseja alterar. Para opções disponíveis, veja o capítulo adequado no Red Hat Enterprise Linux 7 System Administartor's Reference Guide e na página man vsftpd.conf(5).
    O restante deste procedimento assumirá que as opções padrão são utilizadas. Para seguir o restante do procedimento, usuários anônimos devem ser permitidos para ler arquivos.
  3. Copie a imagem ISO do DVD binário Red Hat Enterprise Linux completo para o servidor FTP.
  4. Monte a imagem ISO do DVD binário usando mount:
    # mount -o loop,ro -t iso9660 /path/to/image.iso /mnt/iso
    Substitua o /path/to/image.iso pelo caminho para a imagem ISO do DVD binário.
  5. Extraia todos os arquivos da imagem montada e mova-as para o diretório /var/ftp/:
    # cp -r /mnt/iso/ /var/ftp/
  6. Inicie o serviço vsftpd:
    # systemctl start vsftpd.service
    Se o serviço já estava sendo executado antes de você mudar o arquivo de configuração /etc/vsftpd/vsftpd.conf, reinicie-o para assegurar que o arquivo editado foi carregado. Para reiniciar, execute o seguinte comando:
    # systemctl restart vsftpd.service
Após concluir o procedimento acima, a árvore de instalação será acessível e pronta para ser usada como uma fonte de instalação.
Ao configurar a fonte de instalação antes ou durante a instalação, especifique o protocolo FTP e o nome do host de servidor ou endereço IP. Se você copiou a árvore de instalação para um subdiretório do diretório /var/ftp/ do servidor, você também precisa especificá-lo. Por exemplo, se você copiou a árvore de instalação para o /var/ftp/rhel7-install/ no servidor e o endereço IP é 192.168.100.100, você precisa especificar o ftp://192.168.100.100:rhel7-install/ como a fonte de instalação.

2.3.3.3. Considerações do Firewall para as Instalações baseadas em Rede

Ao usar uma fonte de instalação baseada em rede, você deve se certificar de que o firewall do servidor está configurado para aceitar conexões de entrada nas portas usadas pelo seu protocolo escolhido. A tabela a seguir mostra quais portas devem ser abertas para cada tipo de instalação baseada em rede.

Tabela 2.1. Portas utilizadas pelos Protocolos de Rede

Protocolo usadoPortas a serem abertas
NFS2049, 111, 20048
HTTP80
HTTPS443
FTP21
A maneira exata para abrir portas no seu sistema será diferente com base em seu sistema operacional e software de firewall. Consulte a documentação do firewall ou sistema para obter mais informações. Para obter informações sobre a abertura de portas de firewall específicas em sistemas Red Hat Enterprise Linux 7, consulte o Red Hat Enterprise Linux 7 Security Guide.