Capítulo 23. Kernel

Suporte de múltiplas CPU em kdump nos sistemas AMD64 e Intel 64

Nos sistemas AMD64 e Intel 64, o mecanismo de despejo de travamento do kernel kdump agora pode ser inicializado com mais de uma CPU ativada. Isto soluciona um problema nos sistemas que, devido à alta entrada e saída durante a criação de um despejo de travameno do kernel, o Linux poderia falhar ao alocar interrupções para os dispositivos, quando apenas uma CPU era ativada usando como opções do kernel maxcpus=1 ou nr_cpus=1.
Para habilitar múltiplas CPUs no kernel de travamento, forneça nr_cpus=X (onde X é o número de processadores) e as opções disable_cpu_apicid=0 na linha de comando do kernel.

A ferramenta criu

O Red Hat Enterprise Linux 7.2 introduz a ferramenta criu como uma Apresentação Prévia de Tecnologia. Esta ferramenta implementa Checkpoint/Restore in User-space, o qual pode ser usado para congelar um aplicativo em execução e armazená-lo como uma coleção de arquivos. Depois, o aplicativo pode ser restaurado do seu estado congelado.
A ferramenta criu depende de Protocol Buffers, um mecanismo extensível de plataforma neutra e linguagem neutra para serializar os dados estruturados. Os pacotes protobuf e protobuf-c, os quais fornecem essa dependência, também são adicionados ao Red Hat Enterprise Linux 7.2 como uma Apresentação Prévia de Tecnologia.

Namespace do usuário

Este recurso fornece uma segurança suplementar aos servidores executando os contêineres Linux ao fornecer um melhor isolamento entre o host e os contêineres. Os administradores de um contêiner não são mais capazes de desempenhar operações administrativas no host, aumentando a segurança.

Monitoração LPAR para IBM System z

Um driver de monitoração aprimorado para IBM System z está disponível como uma Apresentação Prévia de Tecnologia. Este driver fornece suporte às partições lógicas Linux (LPAR), assim como aos convidados Linux no hipervisor z/VM e fornece reinicialização automática e recursos de despejo automático, caso um sistema Linux não responda.

i40evf manipula grandes reconfigurações

O tipo mais comum de restauração que a Função Virtual (em inglês, Virtual Function - VF) encontra é a restauração da Função Física (em inglês, Physical Function - PF) que cascatea para baixo em uma restauração VF para cada VF. No entanto, para as restaurações 'maiores', tais como a restauração Core ou EMP, quando o dispositivo é reinicializado, a VF não obtinha anteriormente o mesmo VSI, assim a VF era incapaz de recuperar-se, já que continuava solicitando recursos para o seu VSI original. Como uma apresentação prévia de tecnologia, essa atualização adiciona um estado extra à máquina do estado da fila de administração para que o driver possa solicitar novamente suas informações de configuração em tempo de execução. Durante a recuperação da reparação, essa parte é definida no campo aq_required e as informações de configuração são analisadas antes de tentarem reativar o driver.

Suporte para o driver do kernel OPA

O driver do kernel Intel Omni-Path Architecture (OPA), que possui suporte como uma Apresentação Prévia de Tecnologia, fornece hardware Host Fabric Interconnect (HFI) com inicialização e configuração para transferências de Dados de Alto Desempenho para outros nós de E/S e computação em um cluster de Computação de Alto Desempenho (HPC).
Para instruções sobre como obter documentações do Intel Omni-Path, consulte https://access.redhat.com/articles/2039623.

Suporte para Diag0c no IBM System z

O Red Hat Enterprise Linux 7.2 introduz suporte ao recurso Diag0c no IBM System z como uma Apresentação Prévia de Tecnologia. O suporte ao Diag0c possibilita a leitura das métricas de desempenho da CPU fornecidas pelo hipervisor z/VM e permite a obtenção do tempo de gerenciamento para cada CPU online de uma máquina virtual Linux onde a tarefa de diagnosticar é executada.

Recurso 10GbE RoCE Express para RDMA

O Red Hat Enterprise Linux 7.2 inclui o recurso 10GbE RDMA no lugar do Converged Ethernet (RoCE) Express, como uma Apresentação Prévia de Tecnologia. Isto possibilita o uso de Ethernet e do Acesso Remoto Direto à Memória (RDMA), assim como das APIs Direct Access Programming Library (DAPL) e OpenFabrics Enterprise Distribution (OFED), no IBM System z.
Antes de usar este recurso em um sistema IBM z13, certifique-se de que o serviço mínimo exigido seja aplicado: z/VM APAR UM34525 e HW ycode N98778.057 (bundle 14).

Compactação zEDC no IBM System z

O Red Hat Enterprise Linux 7.2 inclui o driver de dispositivo de mecanismo Generic Workqueue (GenWQE) como uma Apresentação Prévia de Tecnologia. A tarefa inicial do driver é desempenhar a compactação e descompactação zlib dos formatos RFC1950, RFC1951 e RFC1952, mas isto pode ser ajustado para acelerar várias outras tarefas.