3.5. Perfis de Aplicativo

Profiling é o processo de coleta de informações sobre o comportamento de um programa que é executado. Você analisa um aplicativo para determinar quais áreas de um programa podem ser otimizadas para aumentar a velocidade geral do programa, reduzir o uso de memória, etc. As ferramentas da criação de perfil do aplicativo ajudam a simplificar este processo.
Existem três ferramentas da criação de perfil suportadas para serem usadas com o Red Hat Enterprise Linux 6: SystemTap , OProfile e Valgrind . Documentar essas ferramentas de perfil está fora do escopo deste guia, no entanto, esta seção fornece links para mais informações e uma breve descrição das tarefas para as quais cada criador de perfil é adequado.

3.5.1. SystemTap

SystemTap é uma ferramenta de rastreamento e sondagem que permite aos usuários monitorar e analisar as atividades do sistema operacional (particularmente as atividades do kernel) em grande detalhe. Ele fornece informações semelhantes à saída de ferramentas como netstat, top, ps e iostat , mas inclui filtragem adicional e opções de análise para as informações que são coletadas.
SystemTap fornece uma análise mais profunda, mais precisa de atividades do sistema e o comportamento do aplicativo para que você possa identificar os afunilamentos do sistema e de aplicativos.
O plugin da função callgraph para o Eclipse usa SystemTap como um back-end, permitindo-lhe controlar completamente o status de um programa, incluindo chamadas de função, retorno, os horários e as variáveis de espaço de usuário, e exibir as informações visualmente para facilitar a otimização.
Para maiores informações sobre o SystemTap consulte o Guia de Iniciantes do SystemTap, disponível em http://access.redhat.com/site/documentation/Red_Hat_Enterprise_Linux/.