Capítulo 4. Desktop

Kate agora retém preferências de impressão

Anteriormente, o editor de texto Kate não retinha as preferências de impressão, o que significa que o usuário era forçado a definir todas as preferências do Header&Footer and Margin após cada trabalho de impressão ou sessão. Este bug foi corrigido, e Kate novamente retém as preferências de impressão conforme o esperado.

Rebase dos pacotes iprutils

Os pacotes iprutils foram atualizados para a versão upstream 2.4.5, que fornece uma série de correções de bugs e melhorias em relação à versão anterior. Notavelmente, esta atualização adiciona suporte para relatórios de batidas de cache na unidade de disco Serial Attached SCSI (SAS), e aumenta a velocidade de criação de matriz para uma função avançada (AF) dispositivo de armazenamento de acesso direto (DASD).

Atualização do LibreOffice

Os pacotes do libreoffice foram atualizados para a versão upstream 4.2.8.2, a qual fornece diversos reparos de erros e melhorias sobre a versão anterior, incluindo:
  • Interoperabilidade de OpenXML foi aprimorada
  • Funções de estatísticas adicionais foram adicionados ao aplicativo Calc, melhorando assim a interoperabilidade com o Microsoft Excel e seus complementos Analysis ToolPak.
  • Diversas melhorias de desempenho foram implementadas no Calc.
  • Esta atualização adiciona novos filtros de importação para arquivos de importação a partir de aplicativos do Apple Keynote e Abiword.
  • O filtro de exportação para o idioma MathML markup foi aprimorado.
  • Esta atualização adiciona uma nova tela de início que inclui thumbnails de documentos abertos recentemente.
  • Uma dica visual é agora exibida na janela do Slide Sorter para slides com transições e animações.
  • Esta atualização melhora linhas trend nos gráficos.
  • LibreOffice agora suporta o alvo de idioma BCP 47.
Para uma lista completa de reparos de erros e melhorias fornecidas pela atualização, consulte o https://wiki.documentfoundation.org/ReleaseNotes/4.2

Novo pacote: libgovirt

O pacote libgovirt foi adicionado a este lançamento Red Hat Enterprise Linux. O pacote libgovirt é uma biblioteca que permite a ferramenta remote-viewer se conectar à máquinas virtuais gerenciadas pelo oVirt e Red Hat Enterprise Virtualization.

dejavu-fonts atualizada para a versão de upstream 2.33

Os pacotes do dejavu-fonts foram atualizados para a versão upstream 2.33 a qual fornece diversos reparos de erros e melhorias sobre a versão anterior. Principalmente ele adiciona diversos novos caracteres e símbolos à fontes suportadas.

Novo Pacote: scap-workbench para avaliação fácil do SCAP

SCAP Workbench permite avaliação de máquina única e desenvolvimento do conteúdo do SCAP fácil de usar. Ele reduz consideravelmente a barreira de entrada com a sua integração de conteúdos scap-security-guide. Antes desta atualização, o Red Hat Enterprise Linux 6 incluia o scap-security-guide e pacotes openscap, mas não o pacote scap-workbench. Sem SCAP Workbench, será necessário a linha de comando para testar avaliação SCAP, que é sujeito a erros e um grande obstáculo para alguns usuários. SCAP Workbench permite aos usuários personalizar facilmente o seu conteúdo SCAP e avaliação do teste em máquinas individuais.

virt-who suports senhas criptografadas

Suporte para senhas criptografadas foi adicionado ao serviço virt-who. Anteriormente, as senhas para serviços externos eram armazenadas no arquivo de configuração como texto simples, que expunha a senha para qualquer usuário com privilégios de leitura. Essa atualização introduz o utilitário virt-who-password, que permite que senhas criptografadas sejam armazenadaso no virt-who de configuração. Com essa alteração, todos os usuários que abrem o arquivo virt-who de configuração verá as senhas como criptografadas. As senhas criptografadas podem ser descriptografado pelo usuário root.

virt-who suporta modo offline

O serviço virt-who agora pode denunciar a associação entre máquinas físicas de acolhimento e máquinas virtuais convidadas quando o hypervisor está offline, e, portanto, não requer conexão com o hypervisor para executar esta operação. Quando o serviço virt-who não pode se conectar ao hypervisor, devido às políticas de segurança, por exemplo, os usuários agora podem obter informações sobre o arquivo de mapeamento de host-guest usando o virt que --print-, que exibe as informações salvas no arquivo de mapeamento, e as envia para o Gestor de subscrição.

virt-who suporta filtro de host

Com esta atualização, o serviço virt-who que introduz um mecanismo de filtragem para os relatórios de Subscription Manager. Como resultado, os usuários podem agora escolher quais hosts o virt-who deve exibir de acordo com os parâmetros especificados. Por exemplo, as máquinas que não executam todos os convidados Red Hat Enterprise Linux, ou hosts que executam os hóspedes de uma versão especificada do Red Hat Enterprise Linux.

turbostat suporta 6th Generation Intel Core Processors

O aplicativo turbostat agora suporta o Intel's 6th Generation Intel Core Processors.

virt-who suporta o filtro de cluster

Com esta atualização, o virt-who introduz um mecanismo de filtragem para os relatórios de Subscription Manager. Como resultado, os usuários podem agora escolher quais clusters virt-who devem exibir de acordo com os parâmetros especificados. Por exemplo, as máquinas que não executam nenhum convidado do Red Hat Enterprise Linux, ou hosts que executam os hóspedes de uma versão especificada do Red Hat Enterprise Linux.

virt-who suporta filtro de hipervisors não-RHEL

Nos casos em que não é necessário informar todos os hipervisores, como aqueles que não têm quaisquer convidados Red Hat Enterprise Linux associados, virt-who agora é capaz de filtrar os hypervisors especificados.

Suporta a transliteração do Latin para o US-ASCII

Antes desta atualização, icu no Red Hat Enterprise Linux 6 não suporta transliteração de caracteres do latim para o US-ASCII modo da função transliterator_transliterate (). Conseqüentemente, o usuário não poderia, por exemplo, remover facilmente caracteres não-ASCII a partir de seqüências de código PHP. Com esta atualização, o usuário pode usar transliterator_transliterate () para transcrever caracteres latinos para US-ASCII.