Menu Close

Red Hat Training

A Red Hat training course is available for Red Hat Enterprise Linux

1.6. LVS — Um diagrama de Bloco

LVS routers use a collection of programs to monitor cluster members and cluster services. Figura 1.5, “LVS Components” illustrates how these various programs on both the active and backup LVS routers work together to manage the cluster.
LVS Components

Figura 1.5. LVS Components

O daemon pulse atua em ambos roteadores LVS ativo e passivo. No roteador de backup, o pulse envia um heartbeat à interface pública do roteador ativo para certificar-se de que este está funcionando corretamente. No roteador ativo, o pulse inicia o daemon lvs e responde às solicitações heartbeat do roteador LVS de backup.
Uma vez inciado, o daemon lvs chama a utilidade ipvsadm para configurar e manter a tabela de roteamento IPVS no kernel e iniciar o processo nanny, para todo servidor virtual configurado em cada servidor real. Cada processo nanny checa o estado de um serviço configurado no servidor real, e informa o daemon lvs se o serviço no servidor real possui mal funcionamento. Caso o mal funcionamento seja detectado, o daemon lvs instrui o ipvsadm a remover o servidor real da tabela de roteamento IPVS.
Caso o roteador de backup não receber uma resposta do roteador ativo, ele iniciará a falha chamando o send_arp para reinstalar todos os endereços IP virtuais aos endereços de software NIC ( endereços MAC ) do nó de backup. Ele então envia um comando para o roteador ativo por meio das interfaces da rede pública e privada para desligar o daemon lvs no roteador ativo, e iniciar o daemon lvs no nó de backup, para aceitar solicitações dos servidores virtuais configurados.

1.6.1. LVS Components

Seção 1.6.1.1, “pulse shows a detailed list of each software component in an LVS router.

1.6.1.1. pulse

This is the controlling process which starts all other daemons related to LVS routers. At boot time, the daemon is started by the /etc/rc.d/init.d/pulse script. It then reads the configuration file /etc/sysconfig/ha/lvs.cf. On the active router, pulse starts the LVS daemon. On the backup router, pulse determines the health of the active router by executing a simple heartbeat at a user-configurable interval. If the active router fails to respond after a user-configurable interval, it initiates failover. During failover, pulse on the backup router instructs the pulse daemon on the active router to shut down all LVS services, starts the send_arp program to reassign the floating IP addresses to the backup router's MAC address, and starts the lvs daemon.

1.6.1.2. lvs

O daemon lvs atua no roteador LVS ativo uma vez chamado pelo pulse. Isto lê o arquivo de configuração /etc/sysconfig/ha/lvs.cf, chama a utilidade ipvsadm para construir e manter a tabela de roteamento IPVS, e determina um processo nanny para cada serviço LVS configurado. Caso o nanny relatar que um servidor real está fora, o lvs irá instruir a utilidade ipvsadm para remover o servidor real da tabela de roteamento IPVS.

1.6.1.3. ipvsadm

Este serviço atualiza a tabela de roteamento no kernel. O daemon lvs ativa e administra o LVS chamando o ipvsadm para adicionar, mudar ou deletar entradas na tabela de roteamento IPVS.

1.6.1.4. nanny

O monitoramento daemon nanny atua no roteador LVS ativo. Através deste daemon, o roteador ativo determina o health de cada servidor, e opcionalmente monitora sua carga de trabalho. Cada serviço definido no servidor real possui um processo separado.

1.6.1.5. /etc/sysconfig/ha/lvs.cf

Este é o arquivo de configuração LVS. Diretamente ou indiretamente, todos os daemons buscam suas informações de configuração deste arquivo.

1.6.1.6. Piranha Configuration Tool

Esta é a ferramenta baseada na Web para monitoramento, configuração e administração do LVS. Esta é a ferramenta padrão para manter o arquivo de configuração LVS /etc/sysconfig/ha/lvs.cf.

1.6.1.7. send_arp

Este programa envia a difusão ARP quando o endereço IP flutuante muda de um nó para outro durante a falha.
Capítulo 2, Configuração LVS Inicial reviews important post-installation configuration steps you should take before configuring Red Hat Enterprise Linux to be an LVS router.