5. Recursos não suportados

Os seguintes recursos ainda não são suportados no JBoss EAP.
O mod_jk and mod_cluster com Apache no RHEL 7
O servidor Apache HTTP instalável no Red Hat Enterprise Linux 7 através dos canais RHN introduz problemas de incompatibilidade com o mod_cluster e mod_jk e não é suportado. O servidor Apache HTTP lançou com o JBoss EAP, no entanto ele não é inteiramente suportado.
mod_rt and mod_snmp
Os módulos mod_rt (mod_rt.so) e mod_snmp (snmpmonagt.so) que são lançados com a distribuição do Servidor Apache HTTP do JBoss EAP 6 não são suportados.
Maiores informações sobre o suporte desses módulos podem ser encontradas na documentação do Enterprise Web Server 2.1.
Protocolo STOMP com o HornetQ
O suporte a nível de comunidade HornetQ para o protocolo STOMP. Este protocolo não foi testado pela Red Hat e não é suportado pelo JBoss EAP.
Protocolo REST com o HornetQ
O HornetQ possui suporte à nível da comunidade para o protocolo REST. Este protocolo não foi testado pela Red Hat e não é suportado pelo JBoss EAP.
Infinispan API
O uso direto do Infinispan API não é suportado no JBoss EAP 6. O Infinispan é usado como um detalhe de implementação para diversas tecnologias internas do JBoss EAP 6. O uso direto do Infinispan API requer uma subscrição ao JBoss Data Grid.
Limitações IPv6 do JDK 6
As seguintes limitações IPv6 são causadas pelo JDK 6 e não são problemas do JBoss EAP 6.
  • No Microsoft Windows Server, o JDK 6 possui apenas uma implementação IPv6. Esta implementação não é suficiente para executar o JBoss EAP 6. O suporte IPv6 completo no Microsoft Windows Server requer oJDK 7.
  • No Red Hat Enterprise Linux, uma bug no Oracle JDK 6 significa que qualquer endereço especificado no cliente zone-id irá falhar. Para usar um zone-id, tanto atualize para o JDK 7, ou use o IcedTea/OpenJDK 6, que encontra-se disponível para o Red Hat Enterprise Linux e não possui esta bug. Por favor refira-se ao http://bugs.sun.com/bugdatabase/view_bug.do?bug_id=6800096 e https://issues.jboss.org/browse/JBPAPP-8833 para maiores informações sobre esta bug.
A Propagação do Contexto JPA 2.0 fora de uma transação JTA
A propagação dos Contextos de Persistência Estendida (Extended Persistence Contexts - XPC) não estava levando em conta a existência da transação, sendo que o XPC sempre estava sendo propagado. Este comportamento não está de acordo com a especificação JPA 2.0. O manuseamento do XPC foi modificado de forma que quando não houver transação ativa, a propagação do XPC é ignorada e o bean sendo invocado possuirá o seu próprio Contexto de Persistência ao invés do XPC.
Caso o seu aplicativo esperar pelos contextos de persistência estendida a serem propagados fora das transações JTA, você precisará considerar se o seu aplicativo precisa ser modificado. Refira-se ao JBoss EAP 6 Migration Guide para instruções sobre a atualização de seu aplicativo.
O JBoss Enterprise Application Platform 5 fornecia uma propriedade de sistema (JBPAPP-923.alwaysPropagate) para habilitar este comportamento. Esta propriedade de sistema não está disponível no JBoss EAP 6.
Refira-se ao https://issues.jboss.org/browse/AS7-1663, para maiores informações sobre esta decisão.
Subsistemas de Gerenciamento PicketLink
Os subsistemas de Gerenciamento PicketLink para o IDP e Federação não são suportados no JBoss EAP 6.3.
Pool do Cliente STS
O PicketLink fornece um pool dos clientes STS no servidor. Isto remove a criação do Cliente STS como um afunilamento.
O pool do cliente pode ser utilizado em módulos de login que precisam de um cliente STS para obter tíquetes SAML.
Módulos de Login que podem utilizar o pool do cliente STS:
  • org.picketlink.identity.federation.core.wstrust.auth.STSIssuingLoginModule
  • org.picketlink.identity.federation.core.wstrust.auth.STSValidatingLoginModule
  • org.picketlink.trust.jbossws.jaas.JBWSTokenIssuingLoginModule
O número default dos clientes no pool para cada módulo de login é configurado através da opção de módulo de login initialNumberOfClients.
A classe STSClientPoolFactory org.picketlink.identity.federation.bindings.stspool.STSClientPoolFactory fornece a funcionalidade do pool do cliente aos aplicativos.

Uso do STSClientPoolFactory

Os clientes STS são inseridos nos sub pools usando seus configuration como uma chave. Obtenha uma instância STSClientPool e então inicialize um sub pool baseado na configuração. Opcionalmente, com número inicial dos clientes STS ou baseie-se no número default.
final STSClientPool pool = STSClientPoolFactory.getPoolInstance();
pool.createPool(20, stsClientConfig);
final STSClient client = pool.getClient(stsClientConfig);
Quando você tiver finalizado com um cliente, você poderá retornar isto ao pool:
pool.returnClient();
Verificando se um subpool já existe para um configuração gerada:
if (! pool.configExists(stsClientConfig) {  
    pool.createPool(stsClientConfig);  
}
Quando o subsistema da Federação PicketLink Federation for habilitado, todos os pools do cliente criados para a implantação são destruídos automaticamente durante o processo de desimplantação. Para destruir um pool manualmente:
pool.destroyPool(stsClientConfig);
Tanuki Service Wrapper
O Tanuki Service Wrapper não é suportado com o JBoss EAP 6. Maiores informações podem ser encontradas no https://issues.jboss.org/browse/JBPAPP-8651.
Recuperação XA no Microsoft SQL Server 2008
A recuperação XA não funciona com o Microsoft SQL Server 2008 R1. Este recurso não funciona com o Microsoft SQL Server 2008 R2 SP2. Para maiores informações, refira-se aos seguintes URLs:
Recuperação XA no MySQL
O MySQL JDBC driver não implementa de forma apropriada a recuperação XA e retorna códigos de erros incorretos para exceções quando a conexão à fonte de dados é interrompida.
JBoss OSGi
JBoss OSGi, uma implementação da especificação OSGi, foi rebaixada da Prévia da Tecnologia para não-suportada. Refira-se ao https://access.redhat.com/site/solutions/362814 para maiores informações a respeito.
Quickstarts
Uma vez que o OSGi nunca foi suportado e foi removido do produto, o helloworld-osgi quickstart foi removido das amostras que geram o JBoss EAP 6.3.
Os wicket-war e wicket-ear quickstarts dependem do seam-conversation-weld.jar. Uma vez que o Seam não é suportado, esses quickstarts foram removidos das amostras que geram o JBoss EAP 6.3.